quinta-feira, 26 de julho de 2018

Prefeitura do Natal abre seleção para professores e educadores infantis temporários

   

A Prefeitura do Natal tornou público nesta quinta-feira (26), um Processo Simplificado de Seleção para Contratação Temporária, a fim de integrar Cadastro de Reserva para Educador Infantil e Professor de Anos Iniciais, Artes Visuais, Ensino Religioso, Libras e Língua Portuguesa. A divulgação foi realizada no Diário Oficial do Município.
 A seleção será desempenhada pela Comissão Permanente de Concurso da Secretaria Municipal de Educação (COMPEC/SME) e consistirá em Análise Curricular, de caráter eliminatório e classificatório. Para professores de Libras, será aplicada ainda uma avaliação em Língua de Sinais, também de caráter eliminatório e classificatório.
Os aprovados para o cargo de Educador Infantil deverão cumprir carga horária parcial de 30 horas semanais, sob remuneração no valor de R$ 2.405,45. Para as demais disciplinas, a carga horária será de 20 horas semanais, com vencimento de R$ 2.176,47. Os convocados irão atuar nas unidades de ensino distribuídas nas quatro Zonas Administrativas do Município de Natal, de acordo com a necessidade da Secretaria Municipal de Educação.
As inscrições já estão abertas, exclusivamente online, em www.natal.rn.gov.br, e serão recebidas até às 23h59min do dia 01 de agosto do corrente ano. A taxa para candidatura é de R$ 60,00, a ser paga por meio de boleto bancário. Interessados que se encaixarem nos requisitos de isenção da taxa conforme disposto no edital - disponível em www.natal.rn.gov.br/dom (Num. 3859 - 26/07/2018, páginas 5 a 8) -, poderão requerê-la entre 27 e 30 de julho.
 O resultado parcial será divulgado no dia 31 de agosto e o resultado final será publicado em 6 de setembro de 2018, ambos no Diário Oficial do Município. Os candidatos habilitados serão contratados seguindo, rigorosamente, a ordem de classificação final e respeitando-se o percentual de 5% para os candidatos com deficiência. A contratação será de caráter temporário, pelo período de seis meses, podendo ser renovados por três períodos sucessivos, até o limite de dois anos.