segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Sesdem e PRF promovem ação como foco na redução de acidentes de trânsito

Mais uma ação voltada para a programação da Semana Nacional do Trânsito levou informação e conscientização para condutores de veículos, na manhã desta segunda-feira (24). A ação teve como objetivo a redução dos índices de acidentes nas estradas.
A atividade, uma parceria entre a Secretaria Municipal de Segurança, Defesa Social e Mobilidade Urbana (Sesdem), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o DNIT foi realizada no posto Chianca, onde uma tenda foi montada e equipada com TV e aparelhagem de som, através dos quais os motoristas assistiam vídeos educativos.
A programação consistiu em dois momentos. O primeiro mais voltado para a fiscalização e o segundo, mais educativo. Inicialmente, os veículos foram abordados para vistoria. 
Na vistoria, os agentes da PRF, juntamente com agentes da Sedem observaram se a documentação dos condutores estavam em dia e as condições de dos equipamentos de segurança.
No segundo momento, os motoristas foram convidados para assistirem uma mini palestra com a apresentação de vídeos e informativos com dados e estatísticas sobre os riscos de acidentes para aqueles que cometem infrações de trânsito.
Roberta Pereira, agente da PRF dá algumas dicas de segurança. Segundo ela, a primeira coisa a ser feita, ainda em casa, é verificar se o veículo está em condições de rodagem e já na rua, manter a atenção redobrada, evitando o uso do celular, uma das principais causas de acidentes de trânsito hoje no Brasil.
Ainda segundo ela, juntamente com o uso de celular, as ultrapassagens indevidas, o excesso de velocidade e a combinação álcool e direção são as principais causas de morte em rodovias.
Para o secretário da Sesdem, o coronel Marcondes Pinheiro, a redução de mortes e acidentes de trânsito depende exclusivamente do respeito à legislação de trânsito. 
“Na hora que você cumpre todas as regras o condutor do veículo está proporcionando segurança para si mesmo e para os demais motoristas”, analisou.