segunda-feira, 8 de outubro de 2018

Ontem odiado, hoje exaltado: Internet pede para Michel Temer permanecer no governo

Ontem odiado, hoje exaltado: Internet pede para Michel Temer permanecer no governo
"Ai, que saudade do meu ex
Ai, que saudade do meu ex
Ai, que saudade do meu ex...
Ele que era homem de verdade"
Os resultados prévios da eleição presidencial de 2018 fizeram algumas pessoas repensarem quanto ao atual presidente, Michel Temer.

Com quase 90% das urnas apuradas, o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, lidera a votação presidencial, com 46,93% dos votos. Fernando Haddad (PT) aparece na segunda colocação, com 28,08%, confirmando a realização do 2° turno no final de outubro.

Diante de tal cenário, o Twitter criou a hashtag #FicaTemer, uma das mais comentadas na noite deste domingo (7). "Nunca critiquei", alegam usuários sobre Temer. "Nosso presidente legítimo e democrático."

Desde que assumiu a presidência, após o impeachment de Dilma Rousseff em 2016, Temer era o principal alvo político de críticas de quem se opunha ao seu governo -- um dos mais reprovados da história, segundo Ibope.

Os costumeiros "Fora Temer" e "Golpista", no entanto, foram prontamente esquecidos pelos usuários neste domingo. Se ontem criticado, agora o presidente é exaltado pelos usuários.

com informações de yahoonotícias