quarta-feira, 17 de outubro de 2018

UTI do Hospital Municipal de Natal recebe certificado de qualidade


 

A Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Municipal de Natal (HMN) recebeu recentemente um certificado de qualidade da Associação de Medicina Intensiva Brasileira. Essa certificação, a partir de um banco de dados de todas as unidades, tem o intuito de classificar as UTIs de todo o país, tanto privadas quanto públicas, podendo assim criar um padrão de qualidade e tecnologia.

 

Este certificado orienta a UTI fornecendo a ela um banco de dados que permitem tanto a análise de quem são seus pacientes, quanto sua comparação com outras UTIs brasileiras. São fornecidas informações como: qual o tipo de paciente que admitem, as principais etiologias e as motivações que esses pacientes tiveram para chegar na UTI. Esse banco de dados é utilizado para definir se a assistência aos pacientes está sendo adequada.

 

“Esses dados significam a visibilidade do nosso trabalho, e quando são bem analisados podem conduzir melhorias na assistência do que estamos fazendo, e fazer um diagnóstico da rede que estamos tendo.” diz Salete Rocha, coordenadora de enfermagem do Hospital. “Conseguimos ver que estamos indo no caminho certo, então é positivo tanto para o hospital quanto para o município. A gente está conseguindo oferecer um serviço de qualidade à população”, reforça Ana Patrícia Tertuliano, coordenadora médica.

 
A Unidade de Tratamento Intensivo do HMN dispõe de dez leitos médicos e a equipe é composta por dez médicos especialistas - cirurgiões, reumatologistas, fisioterapeutas, geriatras. Já na área da enfermagem, enfermeiros plantonistas, uma enfermeira diarista, técnicos de enfermagem - sendo um técnico para cada dois pacientes.