terça-feira, 6 de novembro de 2018

ADEPOL LANÇA EDITAL E PREPARA LISTA TRÍPLICE

Resultado de imagem para ADEPOL RN

A Associação dos Delegados de Polícia Civil do RN (Adepol/RN) publicou nesta terça-feira (6) o edital de convocação para formação de uma lista tríplice para indicação do futuro delegado-geral de Polícia. A iniciativa é histórica e pretende dar mais isenção e credibilidade na escolha do nome que deverá chefiar a Polícia Civil, dentro da perspectiva de fortalecer e aperfeiçoar uma instituição de Estado.

A lista com os três delegados mais votados será apresentada à governadora eleita Fátima Bezerra como sugestão, com o intuito de norteá-la na escolha do novo delegado-geral. Atualmente existem 55 delegados de classe especial elegíveis, que deverão demonstrar ao Colegiado de Delegados de Polícia (CODELPOL) -  através de apresentação de propostas e projetos - qualificação técnica e capacidade de gestão. Além de tudo disso, eles precisam preencher requisitos estabelecidos na “Lei da Ficha Limpa”.

O edital é inspirado nos publicados anteriormente em São Paulo, Paraná, Distrito Federal e, em âmbito nacional, na Polícia Federal. "O modelo de escolha baseado em lista tríplice garante que o maior dirigente da instituição seja um delegado técnico, isento e com capacidade de liderança. No caso da Polícia Civil, isso contribui para o fortalecimento e eficiência da instituição", explicou a presidente da Adepol/RN, delegada Paoulla Maués. 

Com a publicação de todos os "elegíveis" nos jornais de hoje,  contam-se agora cinco dias para que correções sejam feitas na lista. Delegados que não queiram disputar o cargo podem solicitar a retirada de seus nomes. A votação acontece no dia 21 de novembro, em três pontos instalados em Natal, Caicó e Mossoró.