sexta-feira, 23 de novembro de 2018

Cirurgia de retirada de bolsa de colostomia de Bolsonaro será em 2019, diz hospital

   Fátima Meira/Futura Press
O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), será submetido à cirurgia de retirada da bolsa de colostomia no ano que vem, informou o Hospital Albert Einstein nesta sexta-feira (23). Inicialmente, o procedimento estava prevista para 12 de dezembro.

Bolsonaro passou por exames pré-operatórios no hospital durante o dia. Segundo boletim médico divulgado pelo hospital, o capitão da reserva “encontra-se bem clinicamente e mantém ótima evolução, porém os exames de imagem ainda mostram inflamação do peritônio e processo de aderência entre as alças intestinais”.

“A equipe decidiu em reunião multiprofissional postergar a realização da reconstrução do trânsito intestinal”, diz o comunicado. 

Ele fez tomografia e exame de sangue, além de passar por consultas médicas. Bolsonaro ficou 23 dias internado no hospital paulistano, em setembro, após levar uma facada no abdômen durante ato de campanha em Minas Gerais e passar por uma cirurgia em Juiz de Fora.

com informações de yahoonotícias