segunda-feira, 19 de novembro de 2018

Prefeito Álvaro Dias participa do seminário Motores do Desenvolvimento do RN


O prefeito Álvaro Dias participou na manhã desta segunda-feira (19) na Federação da Indústria do Rio Grande do Norte - FIERN, da 36ª edição do seminário Motores do Desenvolvimento. O evento contou com o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho como convidado especial com o tema: “Caminhos do Brasil e do RN na gestão pública”.


O seminário foi aberto pelo presidente da FIERN, Amaro Sales de Araújo, que chamou a atenção para a grave crise no Estado. “Estamos propondo, através do programa Mais RN uma série de metas para que o RN possa se desenvolver e sair desta crise que não tem precedentes. O Brasil não é para amadores, precisamos nos unir num pacto”, explicou.


Na sequência, o governador paraibano Ricardo Coutinho iniciou a palestra apresentando os números que encontrou no Estado ao assumir, falou sobre os ajustes que implementou e repassou os resultados obtidos na gestão. “Cada experiência é aplicada de acordo com as condições. Não temos uma fórmula pronta. As ações precisam ser aplicadas de forma diferente para cada situação, apesar de reconhecermos as semelhanças entre a Paraíba e o Rio Grande do Norte”, analisou o palestrante.


Após o governador da Paraíba foi a vez da governadora eleita do RN, Fátima Bezerra palestrar. A futura gestora do Estado falou em organizar um pacto com a sociedade, incluindo os poderes legislativo e judiciário para tentar resolver a crise financeira e fiscal em solo potiguar.


O encerramento do Seminário foi feito com a palestra do jornalista, sociólogo, professor e cientista político William Waak.


Para o prefeito Álvaro Dias, eventos como o Motores são fundamentais para o Estado. “As propostas, os debates esmiuçados tornam-se mais fáceis de serem compreendidas por todos e por tanto tem um valor imensurável”, comentou.


O seminário Motores do Desenvolvimento é uma realização do jornal Tribuna do Norte, em parceria com o Sistema Fecomércio/RN, Sistema Fiern, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Ministério Público Estadual e RG7.