sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

McDonald's demite funcionário que emprestou batata para o Burger King

   Foto: PxHere
Um funcionário do McDonald’s foi demitida por justa causa depois de emprestar sacos de batatas para a rede concorrente, o Burger King. Depois do empréstimo, o empregado que pegou o item emprestado teria devolvido as batatas à loja. A 3ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho do Paraná considerou a demissão por justa causa excessiva e a converteu, o que fez com que ele conseguisse o direito às verbas rescisórias. Para o TRT, a empresa exagerou na punição, principalmente porque o empregado não era reincidente nem obteve vantagem pessoal com a atitude, que não causou prejuízos ao McDonald’s.
O empréstimo foi descoberto pelo gerente, que percebeu no freezer da unidade um pacote de batata fritas do Burger King. Testemunhas teriam confirmado a atitude, o que motivou a justa causa. No processo, o funcionário indicou que não obteve nenhuma vantagem nenhuma com a atitude. Segundo ele, a ação seria até altruísta.
O McDonald’s afirmou, por sua vez, que o empregado contrariou as políticas internas da empresa, já que a entrega de produtos deve ser feita com a autorização do consultor de operações. As regras estariam descritas no “Manual de Práticas de Trabalho e Política de Segurança” da rede.

com informações de yahoonotícias