quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Comerciante recebe R$ 63,9 milhões por engano e devolve o dinheiro

Reprodução
Geraldo Garcia de Andrade, um comerciante de Rio Verde, Goiás, recebeu um depósito de R$ 63,9 milhões, por engano. Ao perceber o montante em sua conta, Garcia não pensou duas vezes e ligou para o banco para resolver a situação. “O dinheiro não era meu, eu queria que tirasse o mais rápido da minha conta para continuar minha vida normalmente”, declarou.
Geraldo tem o hábito de verificar o extrato de sua conta diariamente. O comerciante estranhou ao ver que, de um dia para o outro, seu saldo havia disparado de R$ 10 mil para R$ 63.987.208,12. “Pensei que fosse R$ 63 mil, mas eu não tinha o dinheiro e imaginei que pudesse ser algum adiantamento que o banco tinha feito. Quando olhei direito e vi que eram milhões”, disse.
Ao se deparar com a situação, Geraldo prontamente ligou para seu gerente. “O banco nem sabia, ele levou um susto, viram direitinho e rapidinho o dinheiro saiu”, contou.
Apesar de sua atitude ser rara atualmente e ter deixado os funcionários orgulhosos, Geraldo conta que nunca houve qualquer outra possibilidade além da devolução do dinheiro. “O ensinamento que o meu pai e a minha mãe me passaram é que o que é meu, é meu. O que não é meu, não é meu. A gente fica só com o que é da gente”.
A assessoria de imprensa do banco informou que a instituição não vai comentar o assunto.

com informações de yahoonotícias