sábado, 30 de março de 2019

Irmã de Michael Jackson, La Toya Jackson, revela ter sido violentada pelo pai aos 11 anos

 Foto: Reprodução/ Instagram
As polêmicas na família Michael não param. Em uma entrevista a um programa de televisão, La Toya Jackson, irmã de Michael Jackson, morto em 2009, revelou ter sido abusada sexualmente pelo próprio pai, Joe Jackson, aos 11 anos de idade. A confissão surge no mesmo momento em que ela lança o livro “Growing Up In The Jackson Family” com relatos sobre sua infância.
La Toya disse que o pai se deitava com ela na mesma cama enquanto a mãe, Katherine Jackson implorava para que Joe deixasse a filha dormir em paz. “Quando o meu pai saía da cama dele e vinha para a minha, a minha mãe dizia: ‘Não, Joe, esta noite não. Deixe-a descansar. Deixe-a em paz, ela está cansada”, afirmou a irmã de Michael.
De acordo com o jornal ‘Mirror’, a quinta filha da família Jackson relatou ainda que a vergonha a impediu de falar mais cedo sobre os abusos. Perguntada sobre a possibilidade de o pai poder ter feito o mesmo com os outros irmãos, disse não ter qualquer conhecimento.