sexta-feira, 26 de julho de 2019

SME divulga edital para professores e coordenadores de turmas de novo Programa de Alfabetização


A Secretaria Municipal de Educação de Natal, por meio da Comissão Permanente de Concurso Público (Compec/SME), publicou no Diário Oficial do Município desta sexta-feira (26), o edital nº 03/2019 para seleção simplificada para as funções de professores-alfabetizadores e coordenadores de turmas, que atuarão no novo Programa de Alfabetização de Jovens e Adultos, denominado “Aprendendo Mais”.


As inscrições serão abertas na segunda-feira (29) e seguem até o dia 02 de agosto de 2019, das 8h às 14h - na sala da Compec na Secretaria Municipal de Educação (Rua Fabrício Pedroza, 915 – Areia Preta - 5º piso - sala 509). O edital com todas as informações necessárias para o processo de seleção está disponível no site www.natal.rn.gov.br.


Poderão disputar as vagas de professores-alfabetizadores pessoas com nível médio Magistério ou curso superior de Pedagogia, enquanto para coordenador é exigido nível superior com licenciatura plena em Pedagogia. Os salários são de R$ 1,5 mil para coordenadores e R$ 1,2 mil para os professores.


A seleção ocorrerá em duas fases distintas, cada uma delas eliminatória, sendo a primeira, análise curricular e a segunda, uma carta de intenção, que deverá ser produzida pelo candidato. Após a avaliação, a Secretaria Municipal de Educação divulgará uma classificação e convocará os selecionados de acordo com a necessidade do Programa “Aprendendo Mais”.


Os interessados deverão preencher o formulário de inscrição na sala da Compec/SME, e, consequente, a entrega dos documentos, que deverão estar em envelope tamanho ofício, com nome, CPF, data de nascimento escritos na frente.


Deverão ser entregues, também, cópias, acompanhadas da apresentação dos respectivos originais: currículo; RG; CPF; comprovante de residência; uma foto 3/4; escolaridade; a experiência profissional, a partir de 2014, deve ser comprovada mediante apresentação de declaração expedida pelo órgão empregador em papel timbrado, contendo CNPJ, endereço completo, inclusive telefone, nome legível, função e carimbo do funcionário responsável ou apresentação de Carteira Profissional original e cópia; as declarações que comprovem experiência profissional devem explicitamente informar o período trabalhado, início e fim com dia, mês e ano.