quinta-feira, 3 de outubro de 2019

Virou moda? Procurador tenta matar juíza com faca dentro do TRF-3 em São Paulo

 Foto: Divulgação
O procurador da Fazenda Matheus Carneiro Assunção foi preso nesta quinta-feira (03) após uma tentativa de matar uma juíza na sede do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, na avenida Paulista, em São Paulo. Ele invadiu o gabinete da juíza Louise Filgueiras, convocada para substituir o desembargador Paulo Fontes, de férias, e chegou a desferir uma facada no pescoço dela, mas o ferimento foi leve. As informações são do site ConJur.

Antes de ir ao gabinete da desembargadora, Assunção foi procurar outro desembargador, mas não o encontrou. Ele então desceu as escadas e invadiu o gabinete que estava imediatamente abaixo A juíza estava trabalhando em sua mesa e foi surpreendida pela invasão do procurador. Contudo, ela conseguiu se afastar de Assunção que, ainda tentou jogar uma jarra de vidro na direção de Filgueiras. 

Ao errar a tentativa, ele foi contido por pessoas que estavam no gabinete no momento. Assunção acabou preso em flagrante. De acordo com relatos de testemunhas, Assunção parecia estar em estado de surto e intercalava frase sem sentido com frases de efeito, que tratavam de um suposto combate à corrupção no Brasil.

Já Fernando Mendes, presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), disse ao site que não pode se admitir qualquer ataque à magistratura. "A magistratura vem sendo atacada simbolicamente nos últimos tempos, e essa campanha nefasta na tentativa de desacreditar a instituição acaba estimulando o comportamento criminoso de indivíduos. Temos de dar um basta a isso."
com informações de yahoonotícias