terça-feira, 24 de novembro de 2020

Veja os salários dos pilotos da Fórmula 1 em 2020, Hamilton no topo com R$ 303 milhões por temporada

| |

 

Maior vencedor da história da Fórmula 1, heptacampeão mundial da categoria e principal piloto do automobilismo nos últimos anos, o britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, é o competidor mais bem remunerado da F1 em 2020.

A informação foi revelada pela publicação francesa Business Book GP, especializada em finanças da categoria. Completam o top-3 o alemão Sebastian Vettel, que deixará a Ferrari para ir à Aston Martin, e o australiano Daniel Ricciardo, que sairá da Renault rumo à McLaren.

Hamilton recebe € 47 milhões (aproximadamente R$ 303 milhões na cotação atual). Já Vettel, na temporada final de seu vínculo com a Ferrari, ganha € 35 milhões (cerca de R$ 226 milhões). Segundo a Gazzetta dello Sport, o alemão vai reduzir significativamente seu salário no próximo campeonato: na Aston Martin/Racing Point, especula-se que o tetracampeão vá receber algo em torno de € 12 milhões (R$ 77,5 milhões).

Ricciardo, por sua vez, recebe € 20 milhões (R$ 129 milhões) por temporada na Renault. O competidor está de saída para a McLaren no ano que vem e ainda não há maiores informações sobre seus futuros vencimentos.

A 'quarta colocação' fica com o holandês Max Verstappen, da Red Bull, que ganha € 16 milhões (R$ 103,4 milhões) por temporada. O top-5 é 'completado' pelo finlandês Valtteri Bottas, que teve € 1 milhão (R$ 6,47 milhões) de aumento em 2020 na Mercedes, passando a receber um total de € 9 milhões (R$ 58,1 milhões). É o mesmo vencimento anual do monegasco Charles Leclerc, da Ferrari, que teve valorização após extensão contratual com a escuderia até 2024.

Veja a lista completa:

Mercedes

Lewis Hamilton

€ 47 milhões (R$ 303 milhões)

Mercedes

Valtteri Bottas

€ 9 milhões (R$ 58,1 milhões)

Ferrari

Sebastian Vettel

€ 35 milhões (R$ 226 milhões)

Ferrari

Charles Leclerc

€ 9 milhões (R$ 58,1 milhões)

Red Bull

Max Verstappen

€ 16 milhões (R$ 103,4 milhões)

Red Bull

Alexander Albon

€ 2 milhões (ou R$ 12,9 milhões)

McLaren

Carlos Sainz

€ 4,5 milhões (R$ 29 milhões)

McLaren

Lando Norris

€ 1,5 milhões (R$ 9,7 milhões)

Renault

Esteban Ocon

€ 4 milhões (R$ 25,8 milhões)

Renault

Daniel Ricciardo

€ 20 milhões (R$ 129 milhões)

AlphaTauri

Daniil Kvyat

€ 750 mil (R$ 4,8 milhões)

AlphaTauri

Pierre Gasly

€ 1 milhão (R$ 6,47 milhões) - deve ter aumento em 2021

Racing Point

Sergio Pérez

€ 4 milhões (R$ 25,8 milhões)

Racing Point

Lance Stroll

€ 1,5 milhões (R$ 9,7 milhões)

Alfa Romeo

Kimi Räikkönen

€ 6 milhões (R$ 38,7 milhões)

Alfa Romeo

Antonio Giovinazzi

€ 500 mil (ou R$ 3,2 milhões)

Haas

Romain Grosjean

€ 2 milhões (ou R$ 12,9 milhões)

Haas

Kevin Magnussen

€ 2 milhões (ou R$ 12,9 milhões)

Williams

Nicolas Latifi

€ 750 mil (R$ 4,8 milhões)

Williams

George Russell

€ 750 mil (R$ 4,8 milhões)