terça-feira, 28 de setembro de 2021

Trailer da vacinação de Natal já aplicou mais de 300 doses

| |
Trailer é instalado em locais de grande fluxo de pessoas

Mais de trezentas doses de vacina contra a Covid-19 foram aplicadas em dois dias dentro da ação da vacinação volante da Prefeitura de Natal, no trailer instalado na Praça Gentil Ferreira, local de grande fluxo de pedestres. No primeiro dia, foram 140 doses e nesta terça-feira, 190. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS/Natal) firmou parceria com o Procon Natal e está utilizando a unidade móvel do serviço como "trailer da vacinação", instalado nesta primeira semana no Alecrim e a cada semana, o serviço será deslocado para outro bairro da cidade _ sendo uma estratégia para a ampliação da vacinação em Natal.

Até o final do primeiro dia da ação, foram registradas 140 pessoas vacinadas. Dessas, 82 receberam a primeira dose, 57 tomaram a segunda e uma pessoa recebeu a terceira dose dos imunobiológicos disponíveis, dentro dos critérios da imunização. Nesta terça-feira, segundo dia em um dos bairros de grande fluxo de pessoas, a quantidade de doses aplicadas subiu para 190, sendo 82 aplicadas para a primeira dose, 58 aplicações da segunda dose e 50 de dose única (Janssen).

De 27 de setembro a 01 de outubro o trailer fica estacionado no local, com funcionamento das 08h às 15h. Na sexta-feira (01), a SMS/Natal vai divulgar a programação da semana seguinte. Os pontos que vão receber o trailer são definidos conforme necessidade de cada região, sempre visando ampliar a cobertura vacinal, com acesso de forma rápida e prática. Todos os distritos sanitários do município serão contemplados.

"Qualquer pessoa com 12 anos e mais, além dos demais públicos prioritários já contemplados anteriormente nas fases da campanha, poderão buscar o ponto volante para primeira ou segunda dose. É importante verificar a documentação e os prazos no site vacina.natal.rn.gov.br , além de fazer o cadastro prévio no RN+Vacina. Caso seja menor de idade, é necessário fazer o cadastro no registro dos pais e comparecer com os responsáveis legais", comenta o secretário de Saúde de Natal, George Antunes.

Ana Luysa Almeida, de 14 anos, passava pelo local com a mãe quando retornava da escola e aproveitou para tomar a vacina. "Essa vacina traz muita coisa boa, uma liberdade, é tudo de bom. Foi ótimo, pois eu estava saindo da escola, já com os documentos, e o trailer estava no caminho de volta para casa. Agora, vou aguardar a segunda etapa e ver a data da minha imunização com a segunda dose", pontua.