segunda-feira, 4 de outubro de 2021

Após 16 meses, aulas presenciais são autorizadas pelo governo do RN e retomam com 100% dos alunos nas salas

| |

A partir desta segunda-feira (04), o governo do Rio Grande do Norte, liberou a ocupação de 100% das salas de aulas, no formato presencial, nas escolas públicas e privadas.

"Consideramos que a pandemia está relativamente controlada. Então, neste retorno e durante esse período, as escolas se prepararam, foram investidos mais de R$ 12 milhões nas questões de segurança sanitária", afirmou o secretário de Educação, Getúlio Marques.

Caso a família ainda não se sinta segura devido à pandemia, o estudante poderá seguir no sistema de ensino remoto.

"Para aqueles pais que, por acaso, o filho tenha algum problema de comorbidade e que não queira ir à escola, deve ser informado à escola, que por sua vez informará à secretaria. Pedimos aos alunos e aos pais que vão às escolas, que retornem para o aconchego dos seus professores. Vamos dar esse passo pela educação do RN", acrescentou o gestor.

O retorno ocorreu de forma escalonada, por fases. No último mês, em 20 de setembro, o número subiu para 60% para alunos de todas as etapas de ensino. Nesta segunda-feira (04), a liberação chega aos 100% para todas as etapas. Contudo, nem todas as escolas podem retomar as atividades, devido a problemas estruturais. O secretário minimizou a quantidade de unidades com pendências.

"Recomendamos, inclusive, que aquelas escolas que, por ventura, tenham algum problema que façam toda a conexão com os seus gestores de diretoria regionais, para que possam encontrar junto com a secretaria, solução para os alunos voltarem. No geral, estamos com as escolas funcionando", finalizou.