quarta-feira, 6 de outubro de 2021

Caern fiscaliza mais de dois mil imóveis em Mossoró

| |

A equipe de fiscalização da Caern, em Mossoró, está trabalhando para garantir melhor distribuição de água combatendo irregularidades. De janeiro a setembro deste ano foram visitados cerca de dois mil imóveis. As irregularidades mais comuns na cidade são furto de água e danos aos hidrômetros. A Caern vem reforçando a fiscalização em áreas de expansão e consumidores comerciais com consumo elevado.

Mais de 100 irregularidades foram punidas com multas. Quando necessário, também é feito o envio de queixa-crime para a justiça. O gerente da Regional Oeste, Márcio Bruno, explica que o uso do georadar reforçou na identificação de danos sistema de abastecimento. O georadar é um equipamento utilizado para mapear as redes que ficam no subsolo e é um ótimo reforço na identificação de ligações irregulares.

Márcio lembra que estava tendo reclamação de abastecimento no Planalto da Liberdade, área de expansão em Mossoró. A equipe de fiscalização atuou no local, retirando uma grande quantidade de mangueiras interligadas de forma clandestina na rede da Caern. “Conseguimos equalizar o abastecimento no Planalto graças a retirada de ligações irregulares e instalação de novo registro de manobra que também tinha sido danificado. De tempos em tempos, voltamos aos locais para averiguar se ocorreram novas tentativas de danos ao nosso sistema”, relata.

Recentemente, a equipe esteve também em áreas do Abolição V e conjunto Vingt Rosado. É rotina a fiscalização de imóveis residenciais, além disso, a equipe atua com regularidade em estabelecimentos com consumos elevados de água como restaurantes, lanchonetes, pousadas e hotéis. “Existem situações em que a ligação irregular provoca danos ao nosso sistema e gera vazamentos. Por isso precisamos atuar para evitar o desperdício de água”, explica o gerente da ROE.

Furto de água é crime

O furto de água é crime previsto no artigo 155 do Código Penal, com pena que pode chegar a oito anos de reclusão. É importante que a população mande denúncias por meio do atendimento telefônico 115. Será garantido o anonimato de quem reportar o problema. Também é possível fazer a denúncia no www.caern.com.br no link Ouvidoria ou através do e-mail ouvidoria@caern.com.br .