quinta-feira, 14 de outubro de 2021

Prefeitura de Macaíba realiza 1º Seminário sobre os Desafios da Agricultura Familiar nos próximos anos

| |

Com a presença do secretário municipal de Assuntos de Governo, Edivaldo Emídio, representando o prefeito Emídio Jr; diretor técnico da Emater/RN, Raimundo Costa; representante da FETARN, Manoel Cândido; diretor da EAJ-UFRN, professor Ivan Max; e o representante da SEDRAF, Lucivaldo Vieira, os agricultores de vários assentamentos e comunidades rurais, movimentos populares como o Movimento dos Sem Terra – MST e o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Agricultura de Macaíba – STR, associação de apicultores, suinocultores, representantes da COAPAFAMA e da AGROTERN, foi realizado na manhã desta quarta-feira (13), o 1º Seminário sobre os Desafios da Agricultura Familiar nos próximos anos.

Os presentes vivenciaram uma manhã produtiva que apontou quais são os desafios que a Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca – SEMAPE precisa enfrentar nos próximos anos para fortalecer a Agricultura Familiar em solo macaibense, de acordo com o titular da pasta, Cícero Militão.

Em sua fala, o secretário da SEMAPE destacou as metas a serem alcançadas pela Secretaria e a promoção do 1º Simpósio da Agricultura Familiar a ser realizado na primeira semana de Dezembro, fechando o calendário da Secretaria, a inauguração da Feira da Agricultura Familiar, feirante dona Antônia Auta, no próximo dia 22 de outubro ao lado do Pax Club, e das parcerias com as instituições federais, estaduais e municipais para fortalecer nos próximos anos a agricultura familiar macaibenses, além da futura Feira Agropecuária que promete movimentar a economia pecuária, a gastronomia e a geração de emprego e renda na cidade.

O secretário Edivaldo Emídio ressaltou as árduas lutas que o prefeito tem encampado em prol do desenvolvimento da cidade e também do campo. O prefeito tem mantido contato com o Governo do Estado para a realização de parcerias no intuito de fomentar a economia e os demais setores.

Um dos maiores destaques apresentado no Seminário foi o planejamento que a EAJ está realizando para incluir os jovens e demais trabalhadores ligados aos assentamentos rurais e movimentos sociais no processo de formação e capacitação que será promovido pela Escola. O professor Ivan Max destacou: “Nosso planejamento irá incluir no processo de formação jovens, quilombolas, povos nativos e membros dos movimentos sociais. Nós já vimos que essas experiências deram certo e sabemos como fazer”.

“O planejamento para garantir a perfuração de poços nas comunidades, fortalecer os mercados institucionais garantindo a comercialização dos produtos da agricultura familiar, ao acesso ao crédito para facilitar a aquisição de máquinas, insumos e implementos é parte do que podemos construir como caminhos para fortalecer a agricultura familiar aqui em Macaíba”, disse Raimundo Costa Diretor Técnico da Emater.

Já o sindicalista e agricultor familiar Manoel Cândido afirmou que apenas a luta dos trabalhadores e trabalhadoras irá salvar a agricultura familiar e conclamou os agricultores a resistir e lutar mais pelas políticas públicas tão importantes para o campo. Ao final, foram retirados encaminhamentos sugeridos pelos agricultores que serão trabalhados pela SEMAPE nos próximos meses.