terça-feira, 4 de janeiro de 2022

Pastor que se recusava a tomar vacina morre de Covid-19

| |

Morreu, vítima de Covid-19, nesta terça-feira (04), em Natal, aos 59 anos, o pastor Paulo Eduardo de Lima, dirigente da Congregação Centenário, da Igreja Assembleia de Deus. Ele estava internado no Hospital dos Pescadores tratando complicações da doença.

Segundo informações, ele se recusava a vacinar-se contra a Covid-19, pois declarava que não via necessidade. Ele era hipertenso e diabético.

Pelas redes sociais, fiéis lamentaram a morte do pastor.

Em nota, a Assembleia de Deus destacou que Paulo Eduardo de Lima era “marido dedicado, pai amoroso e crente fiel, pacífico e pacificador, que sentindo o perfume do céu expressou à sua família o desejo de ir ao seio do seu amado Senhor”.

Casado com Maria Sônia Felipe Lima, Paulo Eduardo foi apresentador dos programas na Rádio Nordeste Evangélica por mais de 10 anos, “pela qual trabalhou incansavelmente vendendo quentinhas, quando de sua memorável aquisição”, enfatizou a Assembleia de Deus.