Parnamirim: SETRA reúne motociclistas para orientação sobre trânsito seguro

24.março.2017

"Seja você a mudança no trânsito". Com a seguinte proposta, a palestra "Pacto Acidente Zero, Pacto pela Vida" foi a primeira ação de uma série delas propostas, nesta quinta-feira(23), pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Setra), com o objetivo de conscientizar os motociclistas sobre a importância da segurança no trânsito. Motociclistas e autoridades estiverem reunidos no auditório da escola Augusto Severo para participar do momento.

O secretário de Trânsito e Transportes do município, Marcondes Pinheiro, ressaltou que prevenir o acidente é antes de tudo se antecipar a gastos maiores como Saúde, por exemplo. "A preocupação da Prefeitura é com a segurança do motociclista. Investimos agora para não gastar tanto depois. Infelizmente, atualmente os hospitais estão lotados de vítimas de acidentes com motos. Essa é só a primeira de uma série de ações que a Prefeitura vai realizar", pontuou o secretário.

A mudança no trânsito começa com você. De acordo com Bernardino Marcelino, instrutor do programa Trânsito Consciente, a mudança no trânsito passar por três aspectos fundamentais. "É preciso ser consciente,respeitar a si e o outro e prezar pelo uso correto da motocicleta", classificou o palestrante.

Para alguns a moto é mais do  que um meio de locomoção, mas uma verdadeira paixão. Welligton de Lima é motociclista há tanto tempo que já perdeu a conta. Porém, os quase 54 mil quilômetros rodados da motocicleta avisam que a paixão de Leto, como é conhecido, é viajar. Entre 2014 e 2015, Leto participou de mais de 83 eventos da área, acompanhado sempre da esposa Dália, que junto com ele forma o Casal Aventureiro."A moto não é um hobby, mas qualidade de vida. Estou aqui para aprender ainda mais e dirigir ainda melhor", afirmou. 

Por: Salatiel de Souza

Lula quer impedir uso de imagens de condução coercitiva em filme

24.março.2017

Os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entraram com uma ação nesta quinta-feira (23) para impedir os produtores do filmes "Polícia Federal - a lei é para todos", sobre a Operação Lava-Jato, de utilizarem imagens feitas no dia em que a Polícia Federal (PF) realizou uma condução coercitiva na casa do petista, em março de 2016. De acordo com O Globo, a gravação de cerca de duas horas feita pela PF faria parte da obra.

O New Group Cine & TV LTDA, responsável pela produção, também divulgaria a gravação do depoimento de Lula, segundo a defesa. Em petição ao juiz federal Sérgio Moro, eles pedem que a produtora não seja autorizada a usar as imagens reais.

Para os advogados Roberto Teixeira e Cristiano Zanin, as imagens gravadas não podem subsidiar a produção de um "objeto completamente estranho à investigação" e eles pedem ainda que o conteúdo seja mantido em sigilo absoluto, além da divulgação dos policiais que tiveram acesso ao material.

Eles argumentam que a gravação dentro da casa de Lula fere os preceitos éticos, morais e institucionais do Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo (Decreto nº 1.171/94).

"Uma operação de proporções gigantescas e que envolve centenas de 'personagens', terá como cena principal a reconstituição da condução coercitiva do peticionário (Lula), sobre o qual não pesa condenação judicial em nenhuma instância, em claro juízo de seletividade que visa macular sua imagem perante a sociedade", alega a defesa.

Por: Salatiel de Souza

Eunício vai promover demissão em massa de comissionados no Senado

24.março.2017

O presidente do Senado, Eunício de Oliveira (PMDB), surpreendeu os servidores da casa ao anunciar, nesta quinta (23), que vai demitir mais de 60 pessoas que possuem cargos comissionados.

De acordo com a coluna Painel, da Folha de S.Paulo, os funcionários que serão desligados foram nomeados pelos antecessores dele na presidência do Senado. Alguns trabalhavam na casa há quase dez anos. Com a decisão, Eunício espera “enxugar” o plantel do Senado.

Por: Salatiel de Souza

STF deve julgar em breve se conduções coercitivas são constitucionais

24.março.2017

O ministro Gilmar Mendes já liberou o seu voto sobre as mais de 200 conduções coercitivas determinadas pela Lava Jato e, em breve, a pauta deve ser julgada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), que decidirá se elas são ou não constitucionais, de acordo com a coluna da jornalista Mônica Bergamo na Folha de S. Paulo.

Segundo a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), a medida viola os princípios da imparcialidade e o direito do investigado de se manter em silêncio e não produzir provas contra ele mesmo quando realizada na fase investigatória.

Já a equipe da Lava Jato defende a necessidade das conduções coercivas, até das mais polêmicas, como a do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a do blogueiro Eduardo Guimarães, determinada nesta semana.

Por: Salatiel de Souza

Baile da seleção brasileira no Uruguai repercute na imprensa gringa

24.março.2017

A vitória brasileira por 4 a 1 sobre o Uruguai na última quinta-feira (23) teve grande repercussão internacional, com destaque especial para Paulinho e Neymar. O meio-campista marcou um gol e o atacante, em noite inspirada, completou o placar que fez até os argentinos se renderem ao ótimo momento do time comandado por Tite.

"A sétima maravilha", escreveu o site do jornal "Olé" na manchete de seu texto sobre o jogo. Era uma referência à sétima vitória consecutiva do Brasil nas Eliminatórias da América do Sul, todas sob comando de Tite. Vale lembrar que neste período a seleção também venceu um amistoso contra a Colômbia.

"Sem dúvidas, a melhor seleção sul-americana do momento. O Brasil ficou a um passo de sentenciar a sua classificação ao Mundial após golear o Uruguai no Estádio Centenário: foi um 4 a 1 elaborado por meio da contundência e dos luxos de Neymar", diz o texto.

Outro jornal do país, o La Nacion, destacou o bom futebol da seleção sob comando de Tite. "Jogo bonito no Centenário. Goleada com cobertura de Neymar e até um gol de peito", diz o jornal. "Foi um Carnaval", complementou.

EUROPA

Na mesma linha dos jornais argentinos, o jornal espanhol "Sport" chamou o Brasil de imparável e destacou o trabalho de Tite. E como não poderia deixar de ser, a ótima fase vivida por Neymar no Barcelona a na seleção.

"O 4 a 1 no Estádio Centenário é um triunfo de muitíssimo prestígio para uma seleção que renasceu com o comando e Tite e a eclosão de Neymar, o futebolista mais em forma do planeta (com o licença devida de Leo [Messi]). Desta vez, contou com a colaboração inesperada de Paulinho, que se destacou com um hat-trick (três gols na partida)", diz o texto.

O jornal "AS", por sua vez, fala em show de Neymar e Paulinho. Mas também destaca uma falha do lateral Marcelo durante o jogo.

"Ninguém em Centenário havia conseguido sequer pontuar. Brasil sabia disso e teve que se aplicar. Mas logo no começo Marcelo teve erro incomum em jogadores de sua categoria no 1 a 0 contra a sua equipe. O lateral do Real Madrid quis dar um passe com o peito a Alisson, mas no caminho havia Cavani, que forçou um pênalti que ele mesmo converteu", disse.

O jornal britânico "Daily Mail", por sua vez, deu destaque a Paulinho logo em sua manchete do texto, lembrando que o jogador não teve boa passagem pelo Tottenham, mas é decisivo para a seleção.

"Ex-Tottenham Paulinho marca três gols e Neymar adiciona toque de classe em vitória vital após Cavani ter dado a vantagem cedo para os anfitriões", diz o jornal, que classifica Paulinho como "flop" do Tottenham, em um sentido de jogador que não vingou. Com informações da Folhapress.

Por: Salatiel de Souza

Domingo terá protestos de apoio à Lava Jato e contra lista fechada

24.março.2017

Os movimentos que articularam as manifestações pelo impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) vão às ruas pela primeira vez neste ano, no próximo domingo, 26, para defender a Operação Lava Jato. Além disso, os manifestantes pedirão o fim do foro privilegiado e a rejeição ao sistema de voto em lista fechada, que ganhou força nos últimos dias entre políticos e representantes do Judiciário.

A manifestação, que em São Paulo vai ocorrer na Avenida Paulista, está programada para 102 cidades no País, de acordo com o Movimento Vem Pra Rua. Em Brasília, o protesto vai se concentrar às 10 horas em frente ao Congresso Nacional. No Rio, os manifestantes estarão na praia de Copacabana, no mesmo horário. No Rio Grande do Sul, estarão no parque Moinhos de Vento, de Porto Alegre, a partir das 15h. O movimento chamou atos também em quatro cidades do exterior: Boston e Nova York, nos Estados Unidos, Lisboa, em Portugal, e Zurique, na Alemanha.

Na pauta do evento convocado pelas redes sociais, o primeiro item é o apoio total à Operação Lava Jato. Os movimentos pedem ainda o fim do foro privilegiado como base para acabar com a impunidade no Brasil. Nesta semana, o tema foi inserido na pauta de votações do Senado. Mas, como mostrou o Broadcast Político, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado, setores do Congresso começaram a articular emendas que podem modificar a proposta, criando filtros de investigação e até mesmo "varas especiais" para impedir que processos que envolvam políticos cheguem diretamente à primeira instância da Justiça. Os organizadores dos atos - o Movimento Brasil Livre e o Vem pra Rua, entre outros - também citam o aumento do Fundo Partidário e o voto em lista fechada, considerados antidemocráticos.

Abuso

Apesar de não ter sido incluído na pauta dos protestos, o projeto de lei do abuso de autoridade continua sendo alvo de críticos dos grupos. Em vídeo divulgado hoje, o Vem pra Rua ataca o líder do PMDB na Casa, Renan Calheiros (AL), autor da proposta, dizendo que a manobra serve para protegê-lo das investigações na Lava Jato. Ontem, o senador criticou os vazamentos "seletivos" realizados no âmbito da operação e se disse vítima de preconceito e perseguição por parte do Ministério Público Federal (MPF).

Professores

Já nas mobilizações organizadas pelos professores de São Paulo para os próximos dias, o alvo é o presidente Michel Temer (PMDB). No sábado, 25, professores da rede municipal da capital paulista farão um ato na Avenida Paulista contra a reforma da Previdência, a trabalhista e o ensino médio.

O Sindicato dos Profissionais em Educação no Ensino Municipal (Sinpeem) também pede a retirada do projeto de lei na Câmara de Vereadores que cria o regime de previdência complementar e estabelece o mesmo teto do regime geral previdenciário para os servidores municipais. O texto foi apresentado pelo ex-prefeito Fernando Haddad (PT) no ano passado. Uma parte dos professores da rede municipal está em greve.

E os professores estaduais de São Paulo se organizam para fazer uma paralisação no dia 28, combinando a oposição à reforma da Previdência com as reivindicações salariais da categoria. Eles vão realizar uma assembleia na Avenida Paulista no próximo dia 31. Para embasar o ato, o Sindicato dos Professores do Ensino Oficial de São Paulo (Apeoesp) começou hoje uma consulta popular em locais públicos no Estado para coletar opiniões sobre a reforma proposta pelo governo federal no Congresso. Com informações do Estadão Conteúdo.

Por: Salatiel de Souza

Macau: Visita do Prefeito Túlio Lemos resolve problema de comerciantes do Mercado Modelo

24.março.2017

Uma atitude do prefeito de Macau Tulio Lemos surpreendeu os comerciantes das alas de carne e peixe do Mercado Público, na manhã de quarta-feira (22). Durante visita ao espaço na última semana, o prefeito foi procurado por proprietários de lojas, box e bancas, que apontaram problemas acumulados ao longo do tempo, por falta de gestão da prefeitura. Seu José Damião, de 77 anos, dono de uma banca de peixe reclamou da máquina serra fita, que deveria está sendo utilizada pelos comerciantes e que estava parada há pelo menos dois anos. Pelo mesmo problema passava uma máquina similar que deveria está servindo ao setor de carnes.

O prefeito Tulio Lemos, voltou ao mercado com a Secretária Municipal de Infraestrutura, Rose Anne Araújo, para a entrega de duas novas máquinas serra fitas em inox, solucionando dois problemas.“Aqui no açougue existia uma serra velha, quebrada e parada e a máquina da peixaria estava encostada há uns três anos. Tulio veio aqui, levou as duas máquinas, que estavam sem uso e hoje de uma só vez mostrou atitude e respeito com os marchantes e os companheiros da peixaria”, disse o vendedor de carnes Mazinho Machado.

 

 

Por: Salatiel de Souza

Fátima Bezerra admite que recebeu R$ 1,1 milhão da JBS

24.março.2017

Resultado de imagem para fatima bezerra

O coordenador da campanha de Fátima Bezerra (PT) ao Senado em 2014, Raimundo Alves, admitiu nesta quarta-feira 22 que a empresa JBS S/A efetuou doações oficiais à campanha da petista da ordem de R$ 1,165 milhão dois anos atrás. A gigante do setor alimentício, responsável pelas marcas Seara e Big Frango, é uma das 32 investigadas na Operação Carne Fraca, deflagrada pela Polícia Federal na última sexta-feira 17. A empresa é acusada de pagar propina a fiscais do Ministério da Agricultura para vender produtos adulterados com produtos químicos e carnes vencidas.

Em nota enviada à redação do Agora Jornal, Raimundo confirma que a empresa apareceu, de fato, nos registros de prestação de contas da campanha da senadora, mas sempre como “doador originário”, exatamente conforme ressalva contida na matéria, publicada no dia 20 de março. “A empresa era a fonte das doações, mas a captação dos recursos e a destinação destes à campanha da senadora Fátima Bezerra foram de responsabilidade da Direção Estadual do PSD/RN e da Direção Nacional do PT”, traz um trecho do documento.

Ainda de acordo com Raimundo, “em nenhum momento a coordenação de campanha ou a senadora Fátima teve qualquer contato com o doador”. Apesar de em nenhum trecho da matéria o Agora Jornal afirmar que houve irregularidades nas doações, o autor da nota complementa afirmando que, à época, o financiamento empresarial de campanhas era permitido pela legislação eleitoral.

Por fim, o coordenador da campanha petista ressaltou que a senadora Fátima Bezerra sempre atuou como defensora do fim do financiamento empresarial de campanhas, “por entender que mesmo as doações lícitas distorcem o sentido da democracia representativa”.

com informações de agorarn.com.br

Por: Salatiel de Souza

Deputado Felipe Maia assume vice-liderança do Democratas

24.março.2017

Resultado de imagem para felipe maia

O deputado federal Felipe Maia (DEM-RN), foi designado, pela bancada do Democratas na Câmara dos Deputados, como vice-líder do partido. O deputado paraibano Efraim Filho foi o indicado a líder.

Atualmente, Felipe Maia é coordenador da bancada do Rio Grande do Norte no Congresso Nacional e está em seu terceiro mandato como deputado federal. “Mais uma vez, farei jus a confiança do meu partido na vice-liderança, trabalhando para ser o porta-voz da população que me elegeu, com o apoio dos meus pares”, disse Felipe Maia. Além disso, o parlamentar é membro, desde o seu primeiro mandato, da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) e da Comissão de Defesa do Consumidor. Em 2017, Felipe Maia passou a integrar também a Comissão de Minas e Energia.

O deputado ainda é membro da Comissão Especial destinada a estudar e debater os efeitos da crise hídrica no país; da Comissão que profere parecer sobre o PL 3381/04 (que dispõe sobre a Vigilância Sanitária, o uso de produtos de origem natural para a área de saúde); e da Comissão Externa destinada a acompanhar o andamento das obras da ferrovia Nova Transnordestina. Além das comissões, Felipe Maia também faz parte da Frente Parlamentar Mista em Defesa do Comércio, Serviços e Empreendedorismo.

 

Por: Salatiel de Souza

Lula informa ao comando do PT que não será presidente do partido

23.março.2017

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva informou nesta quinta-feira (23) ao comando do PT que não se candidatará à presidência do partido.

Lula tomou essa decisão após uma reunião com uma comissão de petistas.

Prevalece, segundo correlegionários, a opinião da assessoria jurídica do ex-presidente e diretores do Instituto Lula.

O ex-presidente chegou a autorizar a articulação em torno de seu nome, mas recuou. Com informações da Folhapress.

Por: Salatiel de Souza

Governo quer mudanças na vacinação contra febre amarela em 2018

23.março.2017

A coordenadora do Programa Nacional de Imunizações, Carla Domingues, afirma que novas mudanças na vacinação contra a febre amarela, como a possibilidade de extensão da vacina para crianças, estão em análise e devem passar a valer em 2018.

Conforme a Folha de S.Paulo publicou nesta quinta-feira (23), há dois pontos principais em estudo.

O primeiro é uma ampliação na área de recomendação permanente para a vacina, locais onde a vacinação é indicada para a população e turistas que pretendem viajar para essas regiões. Hoje, essa área abrange 3.529 municípios.

Com o surto de febre amarela deste ano, porém, outros 177 municípios do Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Bahia passaram a ter recomendação temporária de vacinação.

Segundo Domingues, a expectativa é que esses municípios sejam incluídos na área de recomendação permanente. "Outras áreas também devem entrar, mas essa avaliação só conseguimos fazer ao final do surto", afirma. "Espera-se que até o fim de maio ou começo de junho esse surto seja interrompido. E aí vamos ter maior clareza", completa.

CRIANÇAS

Outra mudança em estudo, como a Folha divulgou, é a possibilidade de oferecer a vacina em todo o país para crianças a partir de 9 meses, com segunda dose aplicada aos 4 anos. Com isso, a proteção estaria garantida por toda a vida.

"Hoje, 3.500 municípios fazem vacinação da criança, aos 9 meses e 4 anos. Os outros 2 mil não fazem a vacinação de rotina no calendário. Qual a proposta do ministério? Fazer que em todo o Brasil, a vacina de febre amarela passe a fazer tanto da área de recomendação quanto sem recomendação", afirma.

Segundo Domingues, a decisão por incorporar a vacina para todas as crianças ainda depende, no entanto, de uma avaliação sobre o risco de efeitos adversos -que podem ocorrer caso a vacina for aplicada em pessoas a quem não é recomendada, como pessoas com o sistema imunológico comprometido.

"Falta ainda avaliar o risco-benefício, pois estenderíamos para uma área que hoje não tem casos, e que temos que colocar na balança. O benefício é que, a longo prazo, podemos ter toda a população vacinada", afirma. Ainda de acordo com a coordenadora, outros Estados que já planejam incluir a vacina ainda neste ano podem fazê-lo caso adquiram as doses. É o caso de São Paulo, por exemplo.

"Ele tem essa possibilidade [de iniciar antes], se conseguir comprar a vacina. Senão, tem que esperar a decisão do Ministério da Saúde, a menos que mude o cenário epidemiológico. Nossa proposta é fazer a vacinação [para essa faixa etária no país] em 2018", diz.

A previsão corre devido à necessidade de garantir que haja doses suficientes da vacina. Atualmente, o Ministério da Saúde negocia com o laboratório Bio-Manguinhos, da Fiocruz, a possibilidade de aumentar a produção para 70 milhões de doses por ano.

QUEM JÁ SE VACINOU

Ainda segundo Domingues, a pasta deve lançar, até o fim deste ano, um sistema de registro com dados de cada pessoa vacinada no país e doses aplicadas. A ideia é que, com o novo modelo, seja possível saber com maior precisão quais os municípios do país com menor cobertura vacinal entre a população e quais têm população já vacinada em outros locais.

Hoje, esse sistema já aplicado em 20 mil salas de vacinação do país para registro das crianças vacinadas. O objetivo é estender para outras 17 mil salas ainda neste ano.

Usuários poderão verificar, por meio de um aplicativo digital, quais doses de cada vacina já foram aplicadas e quais estão em atraso ou prestes a vencer. "Com isso, vamos conseguir identificar a pessoa vacinada de acordo com a cidade de residência e poder emitir novamente a carteira de vacinação", diz a coordenadora.O

QUE SE DISCUTE

> Avanço do surto de febre amarela e confirmação de morte de macacos em áreas até então não atingidas demonstra necessidade de ampliar área de vacinação, incluindo também trechos do Rio, Espírito Santo e Bahia

> Especialistas, Estados e técnicos do Ministério da Saúde discutem incluir a vacina no Programa Nacional de Imunizações, sendo ofertada a todas as crianças a partir de 9 meses, e não só para quem mora ou pretende viajar para área recomendada. Ideia é, ao longo do tempo, ter a maior parte da população protegida. Com informações da Folhapress.

Por: Salatiel de Souza

Teste constata fraude em sete marcas de azeite de oliva

23.março.2017

Um novo teste realizado pela associação Proteste constatou adulteração em diversas marcas de azeite de oliva, algumas delas consideradas impróprias para consumo in natura.

A entidade revelou que, de 24 marcas testadas, sete apresentam fraudes por conterem misturas de óleos vegetais e animais. "São produtos não indicados para o consumo, por exemplo na salada", diz o diretor da Proteste, Henrique Lian.

De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, uma das marcas não é extra virgem, embora a informação conste no rótulo.

A Proteste divulgou os nomes das marcas adulteradas: Tradição, Figueira de Foz, Torre de Quintela, Pramesa e Lisboa. Todas são importadas e apenas algumas envasadas no Brasil. A entidade foi impedida pela Justiça de divulgar o nome de duas outras marcas que não passaram no teste.

A avaliação dos produtos foi realizada em laboratório de Portugal, credenciado pelo Ministério da Agricultura e pelo Conselho Oleícola Internacional.

Essa é a sexta edição do teste (a primeira foi em 2002), e alguns dos produtos, como o Tradição, o Pramesa e o Figueira da Foz são reincidentes.

Segundo refere a reportagem, as marcas que foram considerados de excelente qualidade são: O-live, Andorinha e Carbonell. Na lista de produtos com qualidade e melhor custo benefício estão O-live, Carrefour Portugal, Qualitá e Filippo Berio.

O teste também aprovou os azeites Borges, Cardeal, Cocinero, Gallo, La Española, La Violetera, Taeq, Serrata, Renata e Broto Legal Báltico.

NOTA

A empresa Olivenza, envasadora do azeite Torre de Quintela, afirmou que irá "analisar o lote deste produto e verificar o ocorrido" e está "trabalhando para que este tipo de imprevisto não ocorra e se adequar dentro da legislação afim de oferecer um produto de qualidade."

A reportagem não localizou representantes do Tradição, Figueira de Foz, Pramesa, Lisboa e Beirão.

Por: Salatiel de Souza

Mulheres mandam bem no transporte e no setor da logística. Veja três exemplos no RN;

23.março.2017

Mulheres mandam bem no transporte e no setor da logística. Veja três exemplos no RN; 

Por: Salatiel de Souza

Governo publica novo decreto de emergência por causa da seca em 153 cidades do RN

23.março.2017

Em decreto publicado nesta quinta-feira (23), no Diário Oficial do Estado, o Governador Robinson Faria reconheceu em situação de emergência 153 municípios do Rio Grande do Norte em virtude dos efeitos da seca no interior do estado. O decreto tem validade de 180 dias e leva em consideração análises técnicas das áreas do Governo que monitoram a questão da Segurança Hídrica no RN.

Esta é a 8ª vez consecutiva que o governo toma a medida, que tem como objetivo facilitar o trâmite dos processos que envolvem obras e serviços para minimizar os efeitos da estiagem, considerada a maior dos últimos 100 anos.

O decreto é importante também para que o estado continue captando recursos do Governo Federal. Somente em 2017, já foram garantidos pelo Ministério da Integração Nacional, para continuidade da Operação Vertente, que fornece água potável à população através de carros-pipa, R$ 12,7 milhões. Também já estão assegurados para o Estado, via Ministério, R$ 88 milhões para a Adutora Afonso Bezerra - Pendências, e para a mudança de captação da Adutora de Jerônimo Rosado e Sertão Central Cabugi.

Segundo estimativa feita pela Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (SAPE), o prejuízo anual gerado pela estiagem na economia do estado gira em torno de R$ 4 bilhões. Apenas na agricultura, se comparados os anos de 2016 e 2014, a área colhida de feijão foi reduzida em 49%, a de milho caiu 64% e a de sorgo sofreu queda de 79%.  

A equipe de Segurança Hídrica que monitora as ações de resposta à emergência é composta, além da Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil, pela Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH), Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (SAPE), Companhia de Águas e Esgotos do RN (CAERN), e pelo Instituto de Gestão das Águas do Estado do Rio Grande do Norte (IGARN).

Chuvas

Mesmo com as fortes chuvas que caíram nos primeiros três meses do ano, dados do Instituto de Gestão de Águas do RN (IGARN) mostram que 57% dos açudes e barragens do RN ainda estão em estado crítico. Dos 47 reservatórios, 12 estão secos e 15 estão no volume morto, dificultando o abastecimento da população, o que justificaria a manutenção do estado de emergência.

“A chuva no Estado ainda não foi capaz de elevar o nível dos mananciais, o que não nos afasta do desastre da seca neste momento, assim, precisamos dar continuidade às ações para garantir a situação de convivência do homem no campo”, disse o coordenador da Defesa Civil Estadual, coronel Elizeu Dantas.

Operação Vertente

Com o objetivo de abastecer com água potável cidades que estavam em situação de colapso, o Governo lançou, em setembro de 2016, a Operação Vertente. Através de caminhões-pipa, cerca de 110 mil pessoas das regiões Oeste e Seridó já foram beneficiadas com água potável.

Os caminhões possuem sistema de georreferenciamento, e tem seus percursos monitorados desde os mananciais de captação de água, até sua entrega aos moradores, direto do Centro Administrativo, em Natal.

Agora, o Governo está em fase de implementação da Operação Vertente II, que deve abastecer, inicialmente, 19 cidades, alcançando cerca de  mil pessoas.

Por: Salatiel de Souza

Servidores da Câmara recebem capacitação sobre Lei de Acesso à Informação

23.março.2017

O controlador da Câmara Municipal de Natal, Eider Mendes, e o Núcleo de Ouvidoria e Prevenção da Controladoria Geral da União (CGU), representando por Rodrigo Vieira Medeiros, Karlla Salgado e Juliana Rangel, realizaram capacitação com servidores do legislativo natalense acerca da Lei de Acesso à Informação, que visa tornar público os gastos através do Portal da Transparência.

“Em decorrência da reunião realizada com o Movimento Articulado de Combate a Corrupção (Marcco), os técnicos da CGU, através de um pedido do presidente da casa, vereador Raniere Barbosa, se disponibilizaram a capacitar os servidores da Câmara com uma apresentação profunda sobre a Lei de Acesso à Informação. Cada vereador precisa prestar conta dos seus gastos e os servidores são responsáveis por isso. Nesta ocasião, eles puderam aprender de que forma eles devem proceder, garantindo essa informação à sociedade”, declarou o controlador Eider Mendes.

O encontro aconteceu na tarde desta quarta-feira (22), no auditório da Escola do Legislativo, e contou com a participação da vereadora Ana Paula (PSDC) que falou da importância dessa capacitação para a transparência da Câmara.  “É de extrema relevância a Câmara instruir os seus servidores e também os vereadores para que possamos estar cada vez mais preparados, já que a Lei de Acesso à Informação é de extrema importância social”, disse a parlamentar.

A CGU enfatizou a importância da implantação do trabalho e a sua relevância para o funcionamento legal do poder legislativo. “É necessário sensibilizar os servidores e normatizar o trabalho a ser realizado, pois se trata de uma mudança de paradigma, excluindo a cultura do sigilo das informações para a transparência”, destacou um dos representantes da CGU, Rodrigo Vieira. 

Por: Salatiel de Souza