quinta-feira, 7 de junho de 2018

Chamado de "jogador de clube", Zico responde a Romário: "Não troco uma Taça Guanabara com o Flamengo pela Copa do Mundo"

  
Foto: Getty Images
Há pouco mais de um mês, Romário deu entrevista ao youtuber “Bolívia”, do canal “Desimpedidos”, e deu algumas declaraçōes polêmicas. Uma delas foi sobre um dos maiores ídolos da história do Flamengo, Zico.
Questionado sobre a seleção brasileira, o baixinho afirmou que está acima de Zico, ressaltando que o meia do Flamengo foi o maior da história de seu clube, mas também dando a entender que ele ficou devendo no Brasil.
O galinho não aprovou as palavras de Romário, mas uma sua irritação maior se deu por uma frase específica dita pelo baixinho. Ele disse que Zico era “jogador de clube”.
“Eu não entendo por que ‘jogador de clube’. O Romário ganhou uma Copa do Mundo. É diferente. Mas eu não faço distinção entre jogador de clube e de seleção. Pô, eu também fui jogador de seleção, conquistei coisas com a seleção. Disputei três Copas do Mundo”. 
Zico ainda disse que um fator o diferencia de outros jogadores marcantes da história do Brasil, que jogavam no setor ofensivo: “Quem é o terceiro maior artilheiro da seleção? Quem é o único que disputa a artilharia e não jogava de atacante como eles? 
Então, que história é essa de ‘jogador de clube? Eu perdi um jogo oficial com a seleção brasileira [contra a Itália, em 1982]. Um! Um! Que jogador de clube é esse? É injusto quando falam que fui só jogador de clube. Não ganhei Copa, mas as pessoas precisam respeitar minha história na seleção”, falou o ex-jogador do Flamengo, em entrevista ao El País.