quarta-feira, 7 de agosto de 2019

Justiça autoriza transferência de Lula para São Paulo


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sairá da carceragem da Polícia Federal de Curitiba (PR) e será transferido para um estabelecimento prisional de São Paulo.

A transferência do ex-presidente foi autorizada pela juíza Carolina Lebbos, responsável pela execução penal do petista, em decisão publicada no sistema da Justiça Federal do Paraná na manhã desta quarta-feira (7).

Ainda não há data da transferência e, segundo a decisão, caberá ao magistrado de Execuções Penais do Estado de São Paulo decidir para qual unidade prisional irá Lula. Na decisão, a juíza também apontou que não há necessidade do uso de algemas por Lula.


PEDIDO PARTIU DA PF

A Superintendência da Polícia Federal do Paraná, autora do pedido, justificou a transferência citando a aglomeração de grupos favoráveis e contrários à prisão do ex-presidente da sede da Superintendência da PF de Curitiba, e que isso tem alterado a rotina do local e demandado um esquema especial das forças de segurança pública.

A PF também apontou que as dependências da carceragem de Curitiba “são muito limitadas e não se destinam à execução de penas ou mesmo à permanência regular de presos; que a estrutura da carceragem da Polícia Federal é destinada apenas ao acolhimento de presos provisórios”.

com informações de yahoonotícias