segunda-feira, 19 de abril de 2021

Hospital João Machado investe em ações de humanização

| |

 


Com o objetivo de proporcionar um acolhimento mais humanizado, o Hospital João Machado vem desenvolvendo estratégias para melhorar a qualidade de vida de seus pacientes. Entre essas ações está a implantação do prontuário afetivo, uma iniciativa da equipe de Psicologia da unidade, referência em assistência psiquiátrica no RN e que também vem reforçando o combate à pandemia, com 45 leitos de UTI e 15 clínicos exclusivos para Covid-19.

A ideia do prontuário afetivo vem sendo implementada inicialmente numa das Unidades de Terapia Intensiva do hospital. O prontuário afetivo, ao invés de destacar a doença, enfatiza aspectos da subjetividade do paciente, trazendo elementos como o que a pessoa gosta de fazer, a forma que prefere ser chamada, as músicas que aprecia e até mesmo com o que que ela sonha.

“O prontuário afetivo é uma estratégia de humanização do cuidado em saúde que possibilita evidenciar a dimensão afetiva e emocional do paciente internado em decorrência da Covid-19, permitindo que a equipe o enxergue de modo singular, para além de um corpo doente ligado a aparelhos tecnológicos”, ressaltou o coordenador de Psicologia do João Machado, Jonas Vasconcelos.

Além do prontuário afetivo, o hospital vem realizando visitas virtuais, para possibilitar a comunicação com os familiares, já que no momento, como uma medida de prevenção à contaminação, as visitas presenciais estão suspensas na unidade. As visitas virtuais são feitas tanto com pacientes conscientes, quanto com os pacientes sedados.

“Antes das visitas, conversamos com os familiares e fazemos toda uma preparação, já que alguns têm mais dificuldade em lidar com a situação de ter um parente internado. Inclusive, quando os familiares não se sentem confortáveis em fazer as visitas, sugerimos que enviem uma mensagem de voz ao paciente, pois isso contribui muito para melhorar seu estado emocional e também para sua recuperação”, explicou Jonas.