quarta-feira, 25 de agosto de 2021

Ministro da Saúde anuncia que 3ª dose da vacina começa a ser aplicada em setembro

| |

O Ministério da Saúde vai liberar a aplicação da terceira dose da vacina contra a covid-19 em idosos com mais de 70 anos e imunussuprimidos a partir de 15 de setembro. A informação foi anunciada pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, nesta quarta-feira (25).

O ministro também informou que a partir de 15 de setembro, será reduzido o intervalo da aplicação da segunda dose dos imunizantes da Pfizer e Astrazeneca das 12 semanas para 8.

Ainda de acordo com o ministro, no dia 10 de setembro, a pasta finalizará a distribuição de imunizantes para a aplicação da primeira dose em toda a população brasileira com mais de 18 anos - o que abre espaço para a antecipação e o reforço vacinal.

A partir do dia 15 de setembro, serão enviadas aos Estados as doses de reforço para os imunossuprimidos - pessoas com câncer ou transplantados, por exemplo - que tenham tomado a segunda dose há pelo menos 28 dias e de idosos com mais de 70 anos que tenham tomado a segunda há pelo menos seis meses.

A aplicação nos idosos seguirá ordem cronológica, do mais velho para o novo. A Saúde aguarda a conclusão de um estudo para decidir como será a aplicação da terceira dose em profissionais de saúde e pessoas com menos de 70 anos.

A previsão do Ministério da Saúde é imunizar todos os idosos e profissionais de saúde com a terceira dose até o fim do ano. Há a possibilidade de que toda a população brasileira seja revacinada em 2022 se os estudos concluírem que isso será necessário.

Com informações de: correiobraziliense